Empresas de telecomunicações devem liderar cloud computing


As empresas de telecomunicações devem liderar o mercado de cloud computing nos próximos dois anos. E o softwares como serviço (SaaS, do inglês software as a service) será a modalidade escolhida, pois já tem uma boa recepção por parte dos CIOs.

O analista da consultoria Ovum Peter Hall, que também é autor do livro “The cloud computing strategies of global telcos” (As estratégias de computação na nuvem das empresas globais de telecomunicação – em tradução livre do inglês), afirma que a aplicação da tecnologia do cloud computing está por crescer em ritmo acelerado nos próximos anos.

“Esperamos observar um aumento razoável no interessa das empresas de telecomunicação por esse tipo de solução nos próximos anos. Então é chegada a hora dessas companhias desenvolverem estratégias para participar desse mercado”, diz.

Na perspectiva do analista, a participação mais forte das companhias nesse mercado faz todo o sentido. “De maneira predominante, as grandes companhias de telecomunicação são tradicionais provedores de serviços para data centers e de armazenamento. Junto dessa tradição vêm expertise nos segmentos de segurança e de rede orientados a atender demandas estabelecidas de clientes por serviços de computação na nuvem”.

Hall escreveu o relatório com base em um levantamento realizado entre 150 companhias com mais de mil funcionários, cada. Entre as organizações ouvidas estão a Orange Business Services, a AT&T e a Verizon.

De acordo com Hall, todas as empresas participantes da pesquisa enxergavam uma ligação estreita entre a computação na nuvem e as atividades principais das organizações. “Não houve um player que deixasse de admitir que a computação na nuvem tem muito a contribuir na melhoria dos serviços. A Orange chegou a criar o termo “IT Operator” (operadora de TI) para refletir as novas atribuições da empresa, fazendo uma analogia entre as atribuições tradicionais como operador de rede e o novo papel no mercado de serviços”, diz Hall.

Apesar disso, a maioria das companhias de telecomunicações permanecem sem qualquer plano diretor, o que não deve ser encarado como um grande problema, segundo o analista. “O mercado ainda está em estágio embrionário de desenvolvimento e ainda há tempo de desenvolver uma estratégia”, finaliza.

Por CIO/Austrália

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Cloud Computing. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s